quinta-feira, 15 de julho de 2010

Saudades / O Diário de Anne Frank

Hi peoples of my heart ♥
Logo esse mês, eu ando meio sumida né? :/
só vim postar pq eu já tava morrendo de saudade!
hj naum tenho muita coisa pra dizer... nesse momento eu too fazendo um trabalho de biologia e vim dar uma conferida akii

ah, gente, continuem assistindo e comentando no post abaixo da w_e, eu vou ler todos os coments ook??
ah, eu sempre quis saber se carioca tem sotaque. Eu, que sou, não percebo!
entaum se vc naum é do Rio, assiste o vídeo e deixa um coment dizendo se eu tenho ou naum, pq eu sempre kiss saber.
Eu sou do Rio mesmo, mas a Rosana é do Pará, só que ela mora aquii. Então se vcs perceberm um pouquinho, nós temos um jeito um pouco diferente de falar XD Ela fala beem certinho...

ai gente, em falar nisso, eu peguei(emprestado) lá no colégio, na sala dos direitores um livro que eu sempre quis ler.
Recentemente eu lii  Fazendo meu filme, Fala sério Mãe e Fala sério Pai!
agora eu peguei pra ler O Diário de Anne Frank. esse livro naum é teen, como esses que eu lii recentemente, mas a história é SUPER, SUPER, SUPER interessante (bom, pelo menos pra mim, né!).
vou contar o prefácio pra vcs:

Anne Frank nasceu em 1929, na Alemanha, filha de um banqueiro e de uma dona de casa. Aos 4 anos de idade, Anne foi obrigada a sair do país com sua família após a chegada de Adolph Hitler ao poder. Em 1942, com a perseguição dos judeus deflagrada também na Holanda, Otto Frank, sua mulher e filhas unen-se a mais quatro pessoas e decidem se esconder dos invasores alemães. Por dois anos, até serem deletados, eles tiveram que viver limitados ao anexo do sótão do escritório de Otto Frank. No esconderijo, o diário de Anne era o único instrumento de liberdade que ela possuía, e, nele, relatou a vida cotidiana do Anexo Secreto, as transformações sofridas por cada um dos que ali residiam e a angústia daqueles dias. Anne Frank morreu de tifo, no campo de concentração de Bergen-Belsen, aos 15 anos de idade.

GENTE, ESSA HISTÓRIA FOI REAL MESMO! infelizmente..coitada!

ou seja...

ela morava na Alemanha, mas quando Hitler, aquele dos nazistas, chegou ao poder, ela teve que ir morar na Holanda, pq os nazistas perseguiam os Judeus. Só que aí, na Holanda, também começaram as perseguições, e ela teve que se esconder com a família e mais quatro pessoas dentro do sótão de um escritório.Ou seja,acho que nem luz eles podiam acender pq senão iriam ser descobertos. Anne ganhou o diário dela de presente de aniversário, ela escreveu de 12 a 15 anos. praticamente até morrer.
Um dia, encontraram o esconderijo, e eles foram levados para o campo de concentração (onde matavam), e ela morreu assim, aos 15 anos de idade. Otto Frank foi o único que sobreviveu ao holocausto e morreu em 1980. Meses antes de morrer, ela teve de parar de escrever e ela deixou que publicassem o diário dela.
Como ela morreu, Otto Frank, realizou o pedido dela e deixou que publicassem, mas tirando algumas coisas, tipo as coisas pessoais dela. As pessoas que estavam citadas no diário, que naum autorizaram publicar seus nomes, tiveram só as inciais no livro.
Ai gente, eu achei a história super interessante, eu sempre quis ler esse livro.

bom, é só isso, tenho que terminar o trabalho.
bjss


9 comentários:

  1. Ahh eu falo tão certinhoo asssim...
    Ahh isso não é uma afirmativa completamento concreta e especializada em uma resposta sob-igual... Aiii eu falo mesmo DD:

    ResponderExcluir
  2. oioi, tô seguindo!
    Me segue tbm ?
    www.laialisafa.blogspot.com

    Bjoos!

    ResponderExcluir
  3. Oii obg pela visita,muuuito Lindo seu blog ^^
    seguindo aqe,
    beeijo
    http://bloguepeek.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  4. Oi, vim pedir um favor =)
    vota na minha entrevista?
    http://www.veetminhaprimeiravez.com.br/marcella-giroldo

    Quem vota tb ganha um kit veet!
    bjos*

    www.marcellagiroldo.com

    ResponderExcluir
  5. Carioca tem sotaque fortissimo uhauhauha Eu sempre dou risada, pq é engraçado o sotaque.. xD

    Vou ver o video pra conferir.. xD

    Seu blog é bem bonito! Parabens :D

    ResponderExcluir
  6. I would love to read this.
    I hope I could have it now.
    Thanks for sharing the story.

    ResponderExcluir
  7. Oi minha flor, estou seguindo seu blog também... MUITO OBRIGADO por seguir o meu. Você tem sotaque sim, mas eu acho super fofo quem tem sotaque. Eu também gostaria de ler esse livro, pois adoro essas histórias de época que envolviam coisas desse tipo. Bjux e comenta lá no meu blog: http://www.cherryexplosion.blogspot.com/ . Bjux

    ResponderExcluir
  8. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  9. Oooi, Cindy!! Seu Blog táa muito lindo. Carioca te sotaque sim, muuuito. Quando o carioca fala "o", ele fala meio que "oa". Eu queria ter sotaque "carióaca"...uheuhehuh. Tentei ver o vídeo mas lá ta falando que o vídeo foi removido. =(
    Um beijãao

    ResponderExcluir